E no fim, ganham os melhores

E no fim, ganham os melhores

Há uma semana, a equipa que melhor hóquei jogou, que mostrou mais alegria em rinque e que deu mais espectáculo no jogo, sagrou-se campeã.

Não foi um jogo de nervos, foi um jogo de querer, de humildade, de destino. Porque é o que eles, atletas, e o que a modalidade deles, hóquei em patins, sabe fazer: vencer.

E se há título merecido e conquista justa, é esta. Se há equipa que o merecia, era esta. Os que estavam em rinque e os que estávamos cá fora a perder a razão e a voz. A ser consumidos por um acreditar sem limites, por eles. Neles. 

Pedimos-lhes o título. Eles deram-nos muito mais. 
Ou vocês não repararam na forma como os golos foram festejados ao longo de seis jogos?

Ou naquele momento em que o Capitão de agora se junta ao de antes para que juntos, porque só juntos se alcançam os sucessos, a taça subisse finalmente nas mãos da equipa que a merecia?

2015160045_0510.jpg

Ou nas lágrimas que lhes vimos ainda durante e após o jogo? São de quem valoriza a vitória que o trabalho conquista e agradece o título com a humildade de campeão.

Obrigada, Comendadores. Vocês são os melhores!

PS: o sonho continua ;)

"Ninguém gosta de hóquei em patins" dizem eles,
"Gosto eu", respondo com o orgulho de quem faz parte da modalidade.

# as minhas primas são as melhores

# as minhas primas são as melhores

Parabéns ao melhor!

Parabéns ao melhor!